NOTÍCIAS


Cinco vítimas do atentado de Aracruz seguem internadas em estado grave

A Secretaria de Saúde do Espírito Santo informou que seguem em estado grave três professoras baleadas no atentado que aconteceu na cidade de Aracruz. Elas foram submetidas a cirurgias de emergência e continuam internadas.

Duas crianças, um menino de 11 anos e outra menina de 14, estão em estado gravíssimo, uma baleada na barriga e outra baleada na cabeça. Duas vítimas estão internadas na cidade de Serra, e outras três estão em hospitais em Vitória, capital do Estado.

No sábado, a professora Flavia Amoss Merson Leonard, de 38 anos, foi a quarta vítima fatal. Além dela, morreram nos ataques a estudante Selena Zagrillo e as professoras Maria Penha Pereira de Melo Banhos e Cybelle Passos Bezerra.

Neste final de semana, o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, escreveu em sua rede social sobre o atentado: “A tragédia das escolas de Aracruz revela as graves consequências da crescente cultura de ódio no país, fomentada por políticas infundadas de armamento. Dar armas à população, além de não resolver os problemas de segurança pública, apenas resulta em mais mortes”.

A investigação apontou que o ataque foi planejado por dois anos e que o responsável usou duas armas do pai, um policial militar. O atirador tem 16 anos e foi apreendido. A Polícia Civil informou que o adolescente vai responder por ato infracional análogo a quatro homicídios e a nove tentativas de homicídio qualificadas.

Com Jovem Pan




28/11/2022 – Rádio Cristalina

SEGUE A @RADIOCRISTALINA

(45) 3253-2559

radiocristalina@live.com
Nova Santa Rosa – PR

NO AR:
AUTO PROGRAMAÇÃO