Notícias » Policial

 

Últimas notícias

  • Copagril Futsal estreia no campeonato paranaense nesta sexta-feira

    Continuar lendo
  • Sem solução, mortes de Miss Altônia e empresário completam um ano

    Continuar lendo
  • Semana intensa com apreensões de drogas, veículos, contrabando e mandados de prisão é registrada pelo BPFron

    Continuar lendo
  • Justiça nega pedido para soltar Beto Richa

    Continuar lendo
  • BPFron e Receita Federal apreendem veículo carregado com contrabando em Toledo

    Continuar lendo
  • DENARC apreende 924 quilos de maconha em Cascavel

    Continuar lendo
  • Acidente entre dois carros deixa uma pessoa ferida em Toledo

    Continuar lendo
  • Após saída de pista Civic para em plantação de milho em Assis Chateaubriand

    Continuar lendo
  • Condutor perde controle e caminhão desce barranco na PR 317 em Toledo

    Continuar lendo
  • BPFron aprende veículo carregado com 69,7Kg de maconha em Foz do Iguaçu

    Continuar lendo

Mulher desacata funcionária no Posto de Saúde e Polícia Militar é acionada em Nova Santa Rosa

Quarta-feira, 13 de Março de 2019 às 9:22

A Polícia Militar recebeu uma ligação na tarde desta terça-feira (12) de que estava havendo uma pessoa desacatando uma funcionária do Posto de Saúde Lídia Boll. Em contato com a funcionária da saúde, ela relatou aos policiais militares que foi desacatada por uma mulher que estaria precisando de uma consulta médica, ainda segundo o boletim de ocorrência registrado no Destacamento de Polícia Militar de Nova Santa Rosa, quando a mulher chegou para ser atendida não havia mais fichas de atendimento, mesmo assim a funcionária arrumou um encaixe para que a senhora fosse atendida, ainda segundo informações havia idosos para serem atendidos e estavam na fila de espera.

A nova-santa-rosense não satisfeita passou a desacatar a atendente, ela disse em alta voz que o atendimento do Posto de Saúde era uma “merda” e também mandou todos a “merda”.

Quando a Polícia Militar chegou no Posto de Saúde a mulher já tinha saído do local sem atendimento médico e não foi localizada pelos policiais, testemunhas presenciaram o fato.

O desacato ao funcionário público no exercício da função ou em razão dela é crime e pode resultar em uma pena de seis meses a dois anos de detenção, ou multa.

Um boletim de ocorrência foi registrado e as partes devem ser ouvidas no Fórum em Marechal Rondon

Rádio Cristalina/Portal Nova Santa Rosa 

© RADIO CRISTALINA FM 103,7
BRLOGIC